2 de junho de 2011

Saude na Noruega II - Minhas preces foram ouvidas!!!

Matando a cobra e mostrando o pau, rsrsrsrs. Nao e de hoje que eu falo sobre isso... http://bacalhaucarioca.blogspot.com/2009/06/saude-na-noruega.html


Aqui o pai da família, Peter Frank (52). Frank é um dos muitos que tiveram suas vidas arruinadas por causa da falha, acidentes e erros do sistema  de saúde norueguês.

Agora o "VG" resolveu jogar a M* no ventilador!!! Espero agora que as coisas melhorem depois disso. Um problema que nao e de hoje. Nao so os professores, os medicos tambem precisam de uma boa reciclagem. Falhas inadmissiveis para o pais que tem a melhor "qualidade de vida" do mundo. Amiga, siga seu instinto, se você acha que oseu medico anda "vacilando" troque de medico (pela Nav vc tem direito a trocar seu medico duas vezes ao ano), va a uma clinica particular, nao dê chance ao acaso, sua vida vale mais que isso! Meu padrinho recebeu o diagnostico de "stress", quando o que ele tinha na verdade era diabete (com todos os sintomas CLAROS e evidentes), ele so conseguiu descobrir o que tinha por insistência. Vamos parar com essa mania dos medicos noruegueses de mandar a gente p/ casa dizendo que a gente nao tem nada! Pesquise os seus sintomas na Internet, converse com algum medico ou enfermeira que vc conheca no Brasil, dê ao seu medico "opcoes", nao deixe p/ depois!!!!


"VG traçou a história das 40 pessoas que sofreram danos no sistema de saúde. Cada um deles é mais do que sua própria história. Os eventos foram expostos por constituir um problema social".

"Segundo uma estimativa feita Autoridade de Saúde, 2.000 pessoas morrem a cada ano no país, como resultado de indesejáveis​​. Ele é dez vezes maior que o número de mortos no trânsito".

Hoje e nos próximos dias, VG publicar uma série de artigos, fotos e vídeos sobre o tema. Você pode acompanhar nossos casos em papel, online e IPAD. NOSSA META É CLARO PROCURAR que a EXPOSIÇÃO DO PROBLEMA conduza a melhores procedimentos.

Algumas frases interessantes:

Se tivessem sido reconhecidas 2000 mortes no trânsito a cada ano, o ministro dos "transportes" teria sido demitido. Mas, o sistema de saúde atende a esses números com um encolher de ombros.

"....Mas os médicos na Noruega não tem que assumir responsabilidade por suas falhas. Isso é o estado que faz".

2.000 mortes a cada ano e 15.000 feridos permanentemente devido a erros médicos.



E so pra lembrar!!! Gravidez nao e doenca! O seu parto nem sera feito por um medico, mas sim por uma parteira/enfermeira.

10 comentários:

Raphaella disse...

oi, se voce puder me ajudar :D na cidade de Asker, se fala o noruegues(bokmal)? brigada desde ja

Carolina Krogedal disse...

Sim! Asker fica proximo a Oslo!

Anônimo disse...

Ola...tenho lido seu blog desde que pesquisei na internet sobre brasileiras na Noruega. Engracado como tudo que vc escreve, tenho vivenciado. E concordo com muita coisa que vc escreve. Sobre a saude publica aqui, ha muito ja venho dizendo..desde da epoca em que morei na Suecia onde deixei muita gente boquiaberta por decidir ter minha filha no Brasil.Ali sim, temos opcao de escolher medico, qual forma quer ter seu filho e ainda ficar hospedada em uma maternidade onde o servico parece de hotel..nao to brincando nao! Claro que tenho plano de saude mas aqui na escandinavia vi que o cidadao nao escolhe, nao tem opcao e sim o governo è quem decide..e tenho visto cada absurdo por conta disso...Mas a minha conclusao, è que nao adianta reclamar, para nao criar polemica..esse sistema funciona pra eles(noruegueses)que ja estao acostumados..para nos, imigrantes, è importante sempre manter nos informado e ser bastante critico. E claro, dar seus jeitinhos, como pesquisando na net, trazendo suas provisoes do Brasil,etc. Continue sempre escrevendo o blog Carolina, ta sendo muito esclarecedor, mostrando que a vida aqui na Noruega nao è nada facil..
Maria.

Carolina Krogedal disse...

Oi Maria, eu que agredeco pelo seu comentario! "Uma andorinha so nao faz verao", de certa forma você ja ajudou e muito a mostrar a realidade da Noruega! Obrigada por isso. Eu tambem penso em ter meus futuros pimpolhos no Brasil, nesse fim de semana estava falando justamente sobre isso com a familia do meu marido... pode imaginar o escândalo que nao foi... Mas assim como você, eu tenho a opcao de um ter um bom plano de saude no Brasil... Minha irma teve filho praticamente como uma rainha, rsrsrsrs, e eu quero o mesmo tratamento! Esse negocio de ficar aguentando dor como os noruegueses fazem nao e muito a minha praia nao... :-(

Anônimo disse...

hehehe pois è! È muito bom ser paparicada pela familia e receber carinho dos amigos que fazem visita quando estamos na maternidade...coisa que não vi por aqui! Minha filhota ( que ja esta com 12 anos) nasceu com um no verdadeiro no cordao umbilical e se tivesse nascido de parto (a)normal, como aqui forcam, com certeza ela teria alguma sequela..foi a decisao mais acertada que fiz :)Mas enfim, vamos tentando nos adaptar aqui na Noruega com bons e maus momentos..o saldo da balanca, mais adiante eu irei fazer..por enquanto, tudo è experiencia! abracos pra vc!

Carolina Krogedal disse...

http://www.vg.no/helse/odelagt-i-helsevesenet/alle.php

Raphaella disse...

Oi, eu pretendo ir pra Noruega e tenho cidadania italiana, falaram que o jeito mais facil é eu ir por causa da cidadania italiana, e que dai tenho direito a ficar ai ate 6 meses ne? e se eu arranjar um emprego ai posso ficar ate pra morar!? é verdade isso? me ajuda se puder porque estou confusa de como ir pra morar obrigada, e parabens pelo blog é muito bom !!

Carolina Krogedal disse...

Raphaela, pelo o que eu fiquei sabendo quem tem a cidadania europeia pode ficar para morar, desde que tenha um emprego garantido. Eu tenho um conhecido que passou pelo processo, ele e chileno mas tinha a cidadania española, e conseguiu ficar por conta disso :-)

Raphaella disse...

entendi, obrigada :D

Mara disse...

Ola.. descobri seu blog e tenho gostado mt..sou casada com noruegues e moro tenho pouco tempo de moradia aqui (6 meses) tenho passado por varias situacoes da qual vc escreve... pra comecar eu cheguei aqui ja gravida e passei um verdadeiro sufoco.. primeiro pq td o q eu sentia era "normal".... confesso q nåo aguento mais ouvir essa palavra e pra completar tive sindrome do tunel do carpo o q piorou mais ainda a minha gravidez.. comecou qdo eu completei 6 meses de gestacão e passei os ultimos 3 meses sentindo dores horriveis..sem falar o idioma os medicos nem me tocavam olhavam pra mim diziam a palavra "normal" e eu voltava pra casa... imagina noite e noites sem dormir com dores horriveis.. ate q uma medica (depois deu ter uma crise d choro) resolveu me receitar remedios pra dormir o q amenizou um pouco mais a minha situacão... no final da gravidez eu ja não aguentava ja estava com 40 semanas e els não queriam fazer a minha cesarea... ai eu aprendi que qdo a gente grita aqui mais alto eles resolvem olhar pra vc.. pois foi o que eu fiz .. fui pro hospital ja preparada pro parto e falei q so saia de la depois que fizessem a minha cesarea.. rs ... meu pedido foi aceito e pra compensar td o que eu passei eles me trataram super bem depoi ... eles me operaram no msm dia e me trataram super bem...aqui pra prevalecer o que vc quer tem que brigar mt .. infelizmente........ agora minha luta aqui se refere aos cuidados com meu Bebe.. mas isso ja é outra historia........... rs
Esqueci de falar.. mt bom ler seu blog .. tem me ajudado mt e esclarecido mts coisas da qual estou tendo dificuldades aqui..
um grande bj

Evelin

Palavra-chave

Follow by Email

Volta ao mundo em 80 anos :-)