20 de setembro de 2014

Procedimento para tirar a carteira de motorista na Noruega...

Me dá até vergonha de tocar nesse tema, pq eu enrolei tanto e enrolo até hoje pra tirar a carteira de motorista que já vigoram novas regras... Continuando... As pessoas que chegam agora, mesmo sendo bambas na direção, tem de fazer a prova prática e a teórica... Se não me engano, as provas obrigatórias para quem tem mais de 25 anos são as aulas de primeiro socorros e a direção no escuro/neve. Além disso tem que pagar a prova teórica, foto, aluguel do carro e não sei mais o q... Uma amiga da Indonésia passou em tudo de primeira e fez só as aulas e provas obrigatórias e pagou 8 mil coroas... Outros meros mortais tiveram q fazer em média 3 provas teóricas e duas práticas, e toma-lhe grana... A maioria q passou direto na prova teórica me deu o mesmo conselho: Leia o livro uma vez, depois entre no site www.prove.no e fique fazendo o teste até não errar mais nada! Vi gente com o norueguês mais do que básico passar na prova direto com essa dica, é só ter vergonha na cara e meter a cara nos estudos... Você pode fazer a prova em inglês ou norueguês, também ouvi dizer que pode-se pagar um tradutor, mas aí o preço vai lá no céu! Eu li as duas versões do livro, mas achei a norueguesa muito mais completa... Para fazer a prova teorica você tem que se registrar no Statens Vegvesens no site: www.vegvesen.no e depois não precisa nem agendar um dia pra fazer a prova, é só aparecer por lá no horário de atendimento deles, em Lillestrøm está aberto de segunda a sexta das 8 até as 13h. Você pode usar até 90 minutos pra fazer a prova e só pode errar 7 das 45 perguntas (na categoria B), o resultado sai na hora. Esse resultado vale por 3 anos, caso não passe na prática nesse meio tempo, terá q fazer todo o processo novamente...


 

 

 

1 de setembro de 2014

Para as mamães de primeira viagem na terra dos vikings!

Antes de mais nada, é importante dizer que... Foi-se o tempo em que engravidar podia prender "o macho", e se você  está pensando em fazer isso por essas bandas, pode-se encontrar em maus lençóis... Sem a papelada você praticamente não pode desfrutar de nenhum dos benefícios que uma pessoa registrada tem, além disso, sua estadia na Noruega não está garantida... Se você entrou no país com um determinado visto ou se o carinha não tem "cacife" suficiente, determinado pelo governo, você não casa (sem antes penar muito), e terá uma imensa dor de cabeça... Sem falar que pode dar a louca no carinha e ele dizer, não quero você so o filho... vixe, que doidera!!!
Agora começa o papo com as futuras mamães que estão com tudo em dia! Antes de mais nada, parabéns pela decisão de desejar perpetuar a espécie, os sacrifícios não serão poucos :-)
Fez o teste da farmácia e deu positivo, parabéns! O próximo passo é marcar uma consulta com o seu fastlegen e com sua jordmor (o seu médico e a sua enfermeira parteira)... Exames como HIV, hepatite B e C,  rubéola, tipo sangüíneo, etc e tal serão pedidos, caso tenha gato vale a pena pedir o de toxoplasmose também... Todas as consultas com o médico passam a ser gratuitas, o mesmo vale para as enfermeiras parteiras... O médico ou parteira solicitará uma vaga para você em uma das maternidades próximas a sua casa, o que também é gratuito. Você receberá um formulário com perguntas sobre como vc deseja ter o seu parto,  e isso deve ser entregue a maternidade. Caso decida ter a criança em casa, o preço médio é de 6000 mil coroas, sendo que você recebe mais ou menos 2,500 coroas de volta, como uma ajuda de custo do governo. Na semana 18 você recebe uma oferta para fazer a primeira ultra-som no hospital, caso tudo esteja em ordem, você receberá outra oferta na semana 32. Enquanto no Brasil forçam uma barra para fazer a cesárea, na Noruega é o contrário, mas alguém me disse que aqui não é opcional, só fazem a cesárea em caso de risco mesmo...
Quanto aos seus direitos...
Caso você nunca tenha trabalhado, ou tenha trabalhado menos de seis dos últimos 10 meses que antecedem o recebimento do benefício da licença maternidade você receberá o "engangsstønad", é uma bolada que o governo te dá de aproximadamente 36 mil coroas (para garantir o enxoval do bebê, creio eu). Caso você tenha trabalhado mais de seis meses você tem direito a receber 100% do seu salário (caso você decida ficar em casa com o bebê por 49 semanas), ou 80% do seu salário (caso vocês desejem ficar em casa 59 semanas com o bebê). A coisa eh dividida assim: As 3 semanas antes do nascimento são obrigatorias da mãe, assim como as 10 semanas depois do nascimento são quotas que pertencem exclusivamente a mãe... 10 semanas são reservadas para o pai. As semanas restantes vcs decidem como serão divididas...  Se por infortúnio do destino você fique doente durante a gravidez, isso conta como se você estivesse trabalhando, e você receberá o seu foreldrepenger normalmente. Se você trabalha em um lugar q apresenta risco pra você e o bebê, tipo trabalhar com produtos químicos, fábricas, as vezes limpeza, você recebe o svangerskapsepenger, que vai do momento q você adoeceu até 3 semanas antes da data prevista para o parto. Caso esteja interessada em saber mais: regjeringen.no e nav.no
Fazendo uma pequena pesquisa em revistas, jornais ou internet voltadas para o assunto, você pode conseguir cupons de desconto para lojas e o mais interessante, os "startboks", que são caixas cheias de produtos para você e o bebê, como lenços umedecidos, absorventes, fraldas, óleos, pomadas, brinquedos, meias, etc, etc e etc...

Algumas dicas de onde conseguir as caixas com presentes:

www.babybox.no
www.libero.no
www.rimi.no

Existem outros lugares, mas recebi a informacão que esses outros lugares podem pertubar com ligacões constantes, na tentativa de vender mais produtos...
 
Cupons de desconto

Caixa da baby box

Palavra-chave

Follow by Email

Volta ao mundo em 80 anos :-)