4 de janeiro de 2009

Faz- me rir Noruega!!!


É bem verdade que toda média deforma... mas essa reportagem... foi simplesmente cômica... se os noruegueses são sociáveis, para tudo que eu quero descer, não estamos falando do mesmo povo!!! Eu sei que a qualidade da foto está péssima, eu tinha planos de tirar fotos melhores, mas o jornal acabou sendo "usurpado", quando fui mostrar aos meus amigos do curso... ossos do ofício... Mas vamos lá, o tema da reportagem é "amizade". Foi feita uma pesquisa em alguns países p/ se saber quantos amigos a pessoa tinha (se basearam em um popular site de relacionamentos o facebook). Calcularam o número total de amigos e a quantidade de amigos mais chegados... em primeiro lugar Brasil com a média 91/6, em segundo a India com a média 81/10, em terceiro lugar China com a média 72/5 até aí tudo normal, grandes países com grandes populacões, faz até um pouco de sentido... mas aí veio o quarto lugar, que me fez ficar pasma... Noruega, com a média de 60/9... A pergunta que não quer calar: O q aconteceu com os outros 53 amigos do meu marido??? Huahuahuahua... sim, pq vc pode perguntar a qualquer brasileira casada com norueguês, elas vão confirmar o que eu direi agora... quase todos os noruegueses (diria 90%) tem problemas de relacionamento... sim, p/ eles é quase impossível fazer novas amizades, por isso "conservam" (em média se encontram uma ou duas vezes por mês) as poucas que tem a vida toda... a maioria das amizades dos noruegueses foram feitas no jardim de infância, algumas poucas no ambiente de trabalho, e nada mais !!! Imagina as dificuldades para os estrangeiros??? Missão quase impossível, sim, não importa o quanto vc era popular na sua terra natal, não importa se vc sorri muito ou pouco, se é simpático ou desagradável, eles simplesmente não te dão a menor atenção...e tome cuidado ao se sentar do lado de algum e tentar puxar um papo, corre-se o risco deles se levantarem e ir sentar em outro lugar... Observe o trem ou o ônibus... cada um sentado em um banco, com as mochilas, bolsas ou qualquer tipo de acessório impedindo que vc se sente ao lado deles... Vc não escuta um "ai" nos transportes públicos daqui... Sabe aquele bate-papo básico na fila do banco, esqueca! E se o seu telefone descarregou, e vc precisa ligar p/ alguém com urgência, desista!!! (Claro que vc pode pedir a um outro estrangeiro p/ usar o celular deles, esses sim são solidários, pelo menos a maioria). Mas aí eu fiquei com uma pulga atrás da orelha, como eles conseguem namorados(as)... a dúvida persistiu até a minha primeira festa norueguesa...affffssss... fui em um jantar na casa de um amigo do meu marido... comecou meio chatinha, primeiro eles se esforçando em falar inglês comigo, depois partiram p/ noruegues e esqueceram da minha existência (dizem que as vezes é até melhor dizer que vc não entende o noruegues, então vc pode desconectar sua mente do besteirol que rola), mas a festa comecou a ficar animada mesmo quando eles ficaram bêbados... aí foi um Deus nos acuda... comecaram a se abracar, a se beijar, brincar de pega-pega, de lutinha, dar tapinhas no rosto, dancar (quebraram um vaso de cristal lindo, que me deu pena, mas os donos da casa não estavm nem aí, riam de tudo), derramaram vinho e cerveja nos móveis, foi uma coisa de louco... começou um roça, roça que eu até tentei fugir, mas não consegui, affffssss... essa foi a parte ruim... Sim, quando estão bêbados perdem completamente o controle, aí começa a azaração, paqueras e outras cositas mais que não cabe aqui falar ... mas agora já entendí como eles "se juntam" huahuahuahua. Aí vem uma brazuca, popular, festeira, com um zilhão de amigos e cai de para-quedas em um país como esse... ainda abro o jornal e vejo uma matéria dessas... Noruega, FAZ-ME RIR!!!! (Ainda se eu bebesse talvez a coisa não estaria tão feia p/ meu lado, huahuahuahuahua)

Algumas fatalidades...


Como diz o dito popular... "pra morrer basta estar vivo"... E na Noruega não é diferente... É bem verdade que as causas das mortes são bem distintas... no Brasil vc morre de bala perdida, bala achada, facada, enforcada, a paulada, a pedrada e etc... na Noruega o maior índice de mortes creio que seja de vítimas do trânsito (pq os noruegueses aceleram demais, mesmo não tendo muita habilidade...rsrsrrs)... vc vê muitos acidentes de carro, tanto no verão quanto no inverno (quando a pista fica escorregadia)... Mas tb frequentemente vc pode ver na tv casos de incêndios... um pouco antes do natal, 6 pessoas morreram carbonizadas em Oslo quando um apartamento pegou fogo e acabou se alastrando p/ todo o edifício... se contar com os feridos e desaparecidos acho que o número de vítimas dobra... Pois bem, a casa na foto fica aqui na minha vizinhanca... pegou fogo tb no mês do natal... Gracas a Deus nesse caso não houve nenhuma vítima fatal. Eu particularmente morro de medo, pq as casas são todas de madeira, e em dezembro os noruegueses dobram o consumo de velas de "enfeite", sim pq no Brasil comprávamos velas mas nunca acendíamos... aqui a história muda... e vai que eu tenha algum vizinho descuidado... Mas sim, tirando isso a paz ainda reina no reino da Noruega... pouquíssimos casos de assaltos, agressões, ou assassinatos (os dois últimos que ví na tv, um foi passional e o outro foi um maluco que atacou uma mulher a esmo... Acho que a familia agora vai ter que se explicar pq o cidadão tinha interrompido com sua medicacão...) Os policiais não andam armados, no máximo tem um cassetete... Claro que eles tem armas em algum lugar, mas não andam com elas... Nesse último ano teve um tiroteio em Oslo, mas ninguém saíu ferido (acho que só o assaltante, mas não me lembro, na época o meu norueguês era basicamente inexistente...). Então, se vc procura paz, a Noruega é o lugar certo... só cuidado p/ não cair na monotonia, o que é muito comum por essas bandas...

3 de janeiro de 2009

Ano novo!!!



Meu primeiro ano novo na Noruega!!!

Embora minhas vindas a Noruega tenham se iniciado em 2006, esse foi o primeiro ano em que fiquei "p/ virada". Claro, se eu disser que teve queima de fogos ao nível de Copacabana, seria uma mentira casca grossa, mas mesmo com os escassos fogos de artifício valeu a pena!!! Comemorei com as amigas brazucas e foi muito bom!!! Então nessa postagem resolví homenagear a elas, que fazem a minha vida aqui por essas bandas muito mais fácil... Sim, pq ao contrário do que muitos pensam, morar no exterior não é fácil, por mais que se tenha dinheiro e conforto, a vida é difícil... Você alterna muitos momentos de depressão e alegria (quase um transtorno bipolar...rsrsrs). Sim, pq se por um lado, vc vive confortavelmente, com o amor da sua vida, com grandes chances de ser bem sucedido na área profissional que for, por outro lado, vc sente falta da familia, dos amigos, da comida, dos cheiros, do calor humano e de tantas outras coisas que só a terrinha oferece... isso sem falar no nascimento dos sobrinhos, nas festas de casamento, aniversários, ou simplesmente os churrasquinhos dos finais-de-semana que vc perde morando fora. Então eu admiro os que dizem que são 100% felizes vivendo no exterior, eu sou 50%, mas vou levando... Pois bem, quando a fase de deprê comeca, não tem nada melhor do que marcar um encontro no shopping, ou um jogo na casa de alguém, ou um simples jantar aqui em casa... hummmm, isso torna a vida tão mais fácil!!! Por isso, o meu conselho a meninas que tem namorados noruegueses é que entrem nas counidades do orkut e comecem a tentar fazer amizades brasileiras desde já, pq no final das contas, na hora do aperto, seja ele grande ou pequeno, são as brazucas que vão te apoiar aqui, pois estamos todas no mesmo barco (claro que como tudo na vida, vc tem que fazer as escolhas certas, sabendo separar o joio do trigo, o que vale, e o que não vale a pena... pq vc encontra cada pérola... huahuahauhua).
Então galerinha, vou ficando por aqui, desejando a todos um feliz 2009!!! Prosperidade e saúde!!!

2 de janeiro de 2009

Curso de Norueguês!!!



Em novembro comecaram minhas aulas de norueguês, confesso que o início foi bem difícil, já que as aulas mesmo comecaram em agosto, mas eu só fui liberada p/ estudar (questão de visto e outras documentacões necessárias) bem depois... Estava tensa no primeiro dia de aula, é chato comecar em uma turma adiantada onde todo mundo já está entrosado... mas lá fui eu... No primeiro dia de aula pensei... não vou conseguir acompanhar, a professora só fala em norueguês e rápido... não conseguia entender uma só palavra... mas ia empurrando do jeito que podia com a barriga... Depois da segunda semana já comecei a entender, obviamente não tudo, mas já conseguia "pegar o contexto". Na terceira semana já tinha arrumado encrenca com as meninas da Chechenia (logo com quem). É impressionante a diversidade cultural a que fico exposta só de ir a esse curso... Na minha sala tem gente do Quênia, Etiópia, Turquia, Kosovo, Polônia, Rússia, República Dominicana, China, Paquistão, Thailandia, Indonésia, Philipinas, Burma, Iraque e uma brazuquinha docinho de côco que me acompanha... É um verdadeiro mundo, e sempre que posso tento puxar assunto com um deles p/ fazer perguntas... acho que tudo isso não tem preco... Pois bem, continuando... após quatro semanas no curso recebí a noticia de que as prova finais seriam na próxima semana... como assim??? Tinha perdido 10 capítulos do livro, e não me sentia nem um pouco segura p/ fazer prova nenhuma, quanto mais as provas finais do período... Mas lá fui eu novamente... confesso que tive que apelar, fiz uma cola básica a qual acoplei no meu estojo... crente que isso iria me ajudar... affffffssss... doce ilusão... no final das contas não caiu nada do que eu tinha em mente... foram 3 dias de prova, no primeiro dia, fizemos a parte gramatical, com direito a uma pequena redacão de 150 palavras... fiquei com uma cara de babaca tentando imaginar como faria isso... no final fiz só 50 palavras... que os deuses me protejam...rsrsrrs. O segundo dia foi um pouco mais tranquilo... foi uma espécie de ditado... e questões de múltipla escolha... nada muito complicado. Mas o terceiro dia foi o mais interessante, nos dividiram em grupinhos de 3 cada, então tivemos 2 professores fazendo perguntas, sobre alguns temas... depois comecamos a conversar entre nós três (uma brazuca + um turco + uma menina da Indonésia, imagina o que naum foi...). No final deu tudo certo, fui até elogiada pelo professor mesmo tendo pagado um micão...abafa! Resultado: passei p/ o próximo periodo, as aulas comecam no dia 15, vou estudar de manhã (4 horas) e a noite (aulas de sociedade norueguesa, affffsssss). Enquanto isso estudo em casa, revendo os capítulos que perdí... Não vejo a hora de acabar o curso e conseguir logo um "trampo" (como diriam os paulistas). Vida de dona de casa cansa...

Palavra-chave

Follow by Email

Volta ao mundo em 80 anos :-)