1 de novembro de 2016

De quanto eu preciso para ir morar na Noruega???


Como é um dos assuntos mais requisitados no Blogg, volto a escrever sobre o assunto... Custo de vida na Noruega. Essa imagem é uma cena do meu programa predileto, Luksusfellen, que ajuda pessoas em situações econômicas deploráveis... (Além de dar dicas maravilhosas de como economizar mais um cadinho).
A Noruega é linda e maravilhosa na hora de dar crédito, mas também na hora de cobrar... Eu assisto o programa pela internet, no viafree.no, mas infelizmente todas as vezes que tentei acessá-lo do Brasil não tive sucesso, o acesso é restrito a Noruega.
Pois bem, nessa parte do programa eles fizeram um orçamento de quanto a mocinha deveria gastar por mês para manter as contas em dia. Ela tem 23 anos e mora com dois filhos (obviamente menores de idade). 
Primeiro eles estipularam o valor mínimo que ela deve ganhar mensalmente, 25 mil coroas netto (o que dá aproximadamente 10 mil reais). Desse dinheiro 9 mil coroas vão para a habitação,  ou seja, do aluguel do apartamento já com todas as contas incluídas, 4500 para comida, 2 mil para o transporte (a mãe dela paga as prestações do carro, então esse valor é só ao que se refere a gasolina), 1000 coroas para roupas, 500 coroas para a poupança e 8 mil coroas para todos os outros gastos, sendo que desses 8 mil, 5 mil são reservados para a creche das crianças.
Como a mocinha não tem emprego fixo, ela recebe uma ajuda parcial da NAV, inclusive no inicio do programa ela meio que culpa o sistema pela situação em que ela se encontra. Mas depois que a apresentadora do programa mostra a ela como a criatura gasta o rico dinheirinho, 4.800 coroas (são quase 2 mil reais), só com coca-cola, cheeseburguer, e tabaco, o discurso dela fica mais dócil. 
Resumindo, caso você venha com a família, mesmo uma pequenina, formada por 3 componentes, vcs precisam de uma renda minima de 25 mil coroas, para viver sem luxo, só com o básico. 
Bem, aqui em casa somos 3, e gastamos o dobro desse valor estipulado para a comida. Em relação a moradia, pagamos 30% a mais desse valor, mas não é aluguel, a casa é grande e está em uma cidade valorizada. Quanto ao transporte nós pagamos menos, ele usa o carro da empresa, e eu moro a menos de 10 minutos do trabalho/escola/shopping e mercados, usamos muito pouca gasolina, e o nosso seguro também é super barato, bem abaixo da média. No quesito diversos, também gastamos menos, por termos só uma criança na creche, e por não termos tempo de gastar, kkkk. Já no quesito roupas, não sei como ela consegue sobreviver só com mil coroas, já que roupas e sapatos de crianças custam tanto. OK, a mais nova herda da mais velha. Mas uma bota de inverno por exemplo custa em média 500 coroas, um macacão de inverno no mínimo 500 (isso as marcas mais baratas e de qualidade duvidosa), isso sem falar nas luvas e gorros que eles vivem perdendo... 
Assim, antes de ficarem impressionados com os salários noruegueses, pesquisem um pouco os custos de vida. Tem muita criança que deixa de ir nos aniversários dos amigos pq os pais não tem grana para comprar presentes, e isso é muito triste...Tem criança de 6 anos já voltando da escola deprimida, pq não tem roupas de marca. A relação das pessoas com dinheiro aqui, não é a mesma que a nossa, eu não sei explicar exatamente o que é, talvez alguma amiga daqui possa explicar melhor com as próprias palavras... help!!!

13 de setembro de 2016

O famoso matpakke!

O famoso matpakke nada mais é que a lancheira das crianças e a marmita dos adultos. Ticket alimentação é uma coisa inexistente em terras nórdicas, (e comer em restaurantes todo dia no horário de almoço é inviável por conta dos preços exorbitantes), em algumas grandes empresas existe a opção das cantinas, mas a imensa maioria prepara a propria comida antes de sair de casa. E quando eu digo comida, não estou me referindo a comidas quentes. 
Geralmente o "almoço" deles consiste em pão, frutas e legumes. Em geral, eles só comem uma refeição quente por dia, (feijão com arroz nem pensar, inclusive o feijão é até difícil de achar). 
A creche da minha baby fornece toda a comida, não sei se se deve a faixa etária, mas em algumas creches os pais tem de enviar o matpakke. No jornal do Coop extra da semana passada eles deram alguns exemplos de combinações, opções saudáveis de lanches para crianças em idade escolar. Eu achei legal compartir com as mamães que talvez estejam sentindo dificuldade em montar um cardápio bacana. 
Fugindo um pouquinho do assunto, gente setembro (meu mês favorito), está maravilhoso, ainda estamos saindo sem jaquetas, faz sol quase todo dia e o humor das pessoas segue lá encima, isso nunca tinha acontecido antes, tanto calor por tanto tempo !!! <3 <3 <3
Para ir para a pagina do mercado clique Aqui

Palavra-chave

Carregando...

Follow by Email

Volta ao mundo em 80 anos :-)